quarta-feira, 21 de novembro de 2007

Interunesp Franca 2007 vai deixar saudades

Voltei, vivo e com uma mochila cheia de histórias. Mandei um email pra um amigo meu descrevendo em breves palavras como é e o que aconteceu por lá, achei interessante postá-lo por aqui. Fiquei pensando se aqui seria o melhor lugar para se postar esse tipo de coisa, entrei nuns devaneios sobre qual o objetivo do meu blog e tals...Bom isso pode ser um tema de um outro post. Um meta-post :-) Mas o que importa agora é o Interunesp!
Muita gente (mas muita mesmo) junta. 20 Campi da Unesp participaram do evento somando mais de 15 mil pessoas. Era gente que não acabava mais e com um só propósito: Integração! Trocando em miudos: Zona, bebedeira e fuck4fun. Alguns estranhos vão pra competir nos esportes, vai entender.

Falando em esportes, e dessa eu não sabia, existe primeira divisão, segunda divisão, mascotes, cheer leaders, torcida MUITO organizada, bateria e muita richa: Descobri que ninguém gosta de Bauru. Hey Bauru! Vai tomá no cu!



E quando o assunto é integração, tem muita gente mala: Medicina Botucatu é exemplo disso. Não se misturavam muito com as pessoas e eram bastante antipáticos, bom pelo menos comigo foram. Tem muita gente que gosta de papear, conhecer gente diferente e trocar idéia com outros cursos e campi: A maioria esmagadora (eu estou nesse grupo). E tem gente que vai lá pra ser sem noção e rola até um fuck4fun. Mas isso eu não vi muito.

As festas foram excepcionais. Jamil e Axe genérico eu não sou lá muito fã, mas tive que aturar. Nada que uns goles de cerveja não ajudassem. Na segunda noite foi o fantástico show do Teatro Mágico, esse valeu muito a pena. Juntamos um pessoal lá na frente e cantamos e pulamos todas as músicas. No último dia o show ficou por conta de Velhas Virgens, toda aquela interação com a público e irreverência típica. Sensacional.

Valeu muito a pena. Como experiência de vida, do tipo "essa vou contar essa pros meus netos".
Antes da festa a fantasia, pessoal do alojamento:
Integração Rio Claro e Botucatu!

Ah! E um aviso: Não exagerem na catuaba e vodka, a não ser que queria esquecer algumas horas da sua vida, remoer o passado e ainda sair no tapa com bixete da educação física. Alias, fica aqui um apelo, quem esteve comigo e lembra do que aconteceu, poste um comentário! Vamos ajudar o Zero a reconstituir aquela noite nula! :-)

Special Thanks: Minthy! Valeu por me tirar da fossa e me animar na festa de sexta. Definitivamente catuaba e vodka não combinam.
Postar um comentário