terça-feira, 30 de outubro de 2007

iMasters Intercon2007, parte 1 de 2

Este é o primeiro de uma série de dois posts que se referem ao evento que fui esse final de semana em São Paulo: iMasters Intercon 2007. Inacreditavelmente fui de graça, graças a pequena ajudinha de um amigo meu.




Impressões sobre o evento:
Não poderia ser diferente. Um evento espetacular, com pessoas inteligentes e talentosas. O que mais me deixou impressionado foi a mudança completa no comportamento das pessoas ao irem a um congresso / palestra. Antigamente o formato era assim: Uma pessoa falando e centenas ouvindo. Hoje, essa tal de tecnologia mudou completamente o jeito que as pessoas absorvem conteúdo e repassam à frente. As palestras existiram, mas as pessoas no anfiteatro blogavam e twitavam furiosamente em seus notebooks e blackberrys. A informação não era mais apenas no sentido palco->pessoas, mas agora era no sentido anfiteatro->mundo. Deus salve os hot-spots. :-)

Este é o diferencial da blogosfera que muita gente (computeiro ou não) ainda não pegou: Nós criamos o conteúdo agora e temos a completa liberdade para discutir e ser ouvido por qualquer pessoa. Somos a nova imprensa, a nova liberdade neste fluxo intenso e horizontal de informação.

Oficialmente haviam sempre 2 membros da nova imprensa (nova imprensa / formadores de opinião / chutadores do Estadão / blogueiros). Eles blogavam intensamente tudo o que era dito. Pensamentos e idéias eram registrados em tempo real, online.

O evento abrangeu vários segmentos dentro do escopo web :Marketing, criação, design, programação e até comportamento. E é fascinante estudar essas coisas e saber que a web está mudando tanto a vida das pessoas, e claro, para melhor.

Vou postar por aqui as idéias que mais me marcaram. Não vou também fazer um review do evento todo, mesmo por que tiveram assunto que não eram minha praia e dai já posso falar besteiras. Falando nisso, senhores marketeiros leitores deste humilde blog: Se eu pisar na bola com algum conceito, fiquem a vontade de tratorar nos comentários :-)

Gustavo Fortes - Espalhe
Alguns conceitos que sempre cutucavam minha cabeça finalmente foram explicados. Coisas como: Marketing de Guerrilha, marketing de emboscada, teoria da cauda longa e marketing viral. O que mais ficou claro com esta palestra é que a web2.0 está intimamente ligada com o o conceito de marketing de guerrilha e coisas virais - estamos trocando o outsourcing pelo crowdsourcing - e isso agora faz todo o sentido do mundo pra mim.

Elcio Ferreira, Visie
Este foi o cara de quem mais consegui assimilar as idéias. Claro, era computeiro :-) Ele falou sobre padrões web. A primeira coisa que você tem que se preocupar, o básico. Seguindo os padrões você garante algumas coisas bastante importantes: Boas posições nas buscas do google, visualização cross-brower, desenvolvimento em paralelo (CSS/HTML/Programação) entre outras coisas também interessantes. Uma coisa que marcou bastante essa palestra e me fez pensar foi uma citação de Steve Jobs:

"Design is not just what it looks like and feels like. Design is how it works" - Jobs

Falou também sobre controle de versionamento de código usando Trac e Subversion, o que é muito importante, principalmente para evitar aquele "O bug que eu corrigi semana passada voltou!" :-)


Marco Bebiano, Google Brasil
A empresa dispensa comentários (e links também). Ele falou de um tal de CloudComputing - essa eu não entendi mas anotei: Nada que meia hora de Google+Wikipedia não resolvam. O ponto forte foi a discussão sobre customização do conteúdo para atingir públicos menores porém de maior qualidade. A famosa teoria do Long Tail. Falou também do Google Trends como ferramenta para estudo de mercado, saber se as pessoas buscam algum tipo de informação mesmo, ou é apenas um hype.

Por enquanto é só isso. No próximo post vão ter mais reviews sobre mais palestras. Pretendo colocar o áudio da despalestra e anotações sobre a palestra de Pedro Venturini - Itau.
Postar um comentário